belezas paisagisticas e artisticas de Trás-os-Montes
Terça-feira, 26 de Fevereiro de 2008
A FESTA DO FOLAR DE TRÁS-OS-MONTES EM LISBOA

 

   No dia 16 de Março 2008, vai ralizar-se a grande festa do folar no Externato dos Maristas, na Rua de S. Neutel,n.º 11, junto ao Estádio da Luz (Benfica). Será um dia de grande convívio intercultural, intergeracional e de cidadãos oriundos de todos os pontos do país.Uns, por razões de origem, outros, atraídos pelos sabores e saberes transmontanos.

   A entrada é livre e toda a gente pode conviver alegremente. A Câmara Municipal de Murça paga as despesas da Banda Filarmónica para pôr os bailarinos a dançar. De Murça vem também o vinho da Adega Cooperativa. De Valpaços,vêm os folares e não só. De Chaves, chegarão famosos pasteis de carne, etc.... O conjunto musical " OS MARANUS" garantem a qualidade das músicas tradicionais e modernas. Resumindo: quem vier à festa, pode comer, cantar e dançar no maravilhoso espaço, graciosamente cedido pelos Maristas, uma referência de alta qualidade no campo do Ensino e da Cultura em Portugal e em diversos outros países. O seu Director, José Luís Pedrinho e os seus colaboradores são dignos de toda a nossa estima e gratidão.

         

                                                                 Arur Couto


música: Marcha de CHAVES

publicado por belezaserrana às 22:33
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 23 de Fevereiro de 2008
mapa de trás-os-montes

 

Mapa turístico de alguns concelhos de Trás-os-montes



publicado por belezaserrana às 17:24
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 22 de Fevereiro de 2008
LENDAS EM BOTICAS COM ORIGEM NAS INVASÕES FRANCESAS

 

Primeira - Lenda de São Sebastião na Freguesia de Couto de Dornelas.
1807.  Napoleão, depois de fracassada a primeira invasão francesa, em Lisboa, e de a Família Real se ter retirado para o Brasil, antes da chegada dos invasores, mandou invadir novamente Portugal. A segunda invasão francesa entrou em Portugal por Chaves comandada pelo general Soult com destino à cidade do Porto. Os soldados, pelo caminho, tiveram o comportamento dos da prmeira invasão até Lisboa: por aonde passavam, pilhavam tudo o que mais lhes agradava, mesmo para se alimentarem.

Da Fronteira de Chaves, continuaram a invasão, passando por Sapiãos, Boticas, Couto Dornelas, prossegundo os seus objectivos pelo caminho mais curto até ao Porto.

Aqui nascem as Lendas de São Sebastião e a do Vinho dos Mortos de Boticas.

 

  1- « A tradição da festa de S. Sebastião em Couto Dornelas assenta na lenda de que alguns habitantes da aldeia teriam pedido auxílio ao Santo para que os livrasse das incursões dos Gauleses e dos perigos que eles poderiam representar para os habitantes da freguesia, roubando-lhes os mantimentos que tinham em casa, os animais e outros haveres. Em troca de nada de mal lhes acontecer, eles teriam feito a promessa de, anualmente - 20 de Janeiro-  fazerem uma festa em honra do protector, oferecendo aos forasteiros que participassem nela, pão, carne de porco e arroz. E promessa feita tem de ser cumprida para que não venham os castigos de Deus. E assim, desde o século XVIII, todos os anos se juntam muitas centenas, e em alguns anos, milhares de pessoas a participarem nesta tradição, actualmente, um dos melhores cartazes turísticos de toda a região do Barroso. » 

         Politiquices  à parte, a tradição deve continuar. É um elemento cultural importante. A mesa alonga-se por muitas centenas de metros em grande camaradagem entre residentes e visitantes.

 

  2- Lenda do «Vinho dos Mortos.»

       Diz-se que os lavradores de Boticas, para não serem roubados pelos soldados, enterraram as vasilhas (garrafas) do vinho, deitando-as ao comprido e cobrindo-as com terra como se faz aos mortos nos cemitérios. E os militares tiveram de se contentar com a água das fontes. Porém, o imprevisto aconteceu: quando foram desenterrando as garrafas notaram que o vinho tinha uma cor e paladar diferentes, para melhor. E, desde então, há quem enterre novamente as garrafas para melhorar o vinho, de cerca de 10-11 graus.

       Esta lenda tornou a vila de Boticas conhecida por esse mundo além.

   Em pleno século XXI estão a onstruir um túmulo para   «O Vinho dos Mortos» para que a lenda

continue.



publicado por belezaserrana às 12:40
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Quarta-feira, 6 de Fevereiro de 2008
LENDA CONTADA PELO AVÔ EM TERRAS DE BARROSO

 Está no rio o São Cristóvão

Uma figura imponente

Com água pela cintura

Olhando a todos bem de frente.

 

Com aquele olhar melancólico

Vestido de seda fina

Parece pedir a quem passa

Tirai-me o Jesus Menino.

 

 -Porque está aquele santo no rio

Quis ao meu av^perguntar...

  - Senta-te aqui, toma atenção

Que eu te vou explicar:

 

Conta uma lenda velhimha

Que o gigante com um bordão

Foi condenado prà vida inteira

Passar gente no rio Jordão.

  - Pensando estar a ser traído

Pelo próprio pai e a sua cara-metade

Numa fúria de ciúme

Os dois assassinou sem dó nem piedade.

 

Era tarde, quando descobriu

Que aqueles que tão selvaticamente tinha matado

Eram o homem e a mulher

Que a vida lhe tinham dado.

 

Pelo tribunal da humanidade

O Gigante foi julgado ...

A passar gente no rio Jordão

Foi, então, ele condenado.

 

Cada vez que fazia a travessia,

Pela sua grande estatura,

Carregava várias pessoas.

 

Mas, um dia, quesurpresa!

Apareceu à beira do rio Jordão

Um menino bem pequenino

Com uma bola na mão!

 

O gigante recusou-se

A atravessar o menino

Alegando não fazer o percurso

Com um peso tão pequenino.

 

Mas o menino insistiu:

- Não te deixes pelo tamanho enganar

E verás que o peso que eu tenho

Para ti, chega e há-de sobrar.

 

Tão pequeno e tão  pesado

Este miúdo trigueiro...

Parece que levo ao ombro

O peso do mundo inteiro.

 

Não olhes para mim...

Não podes mirar os olhos meus

Pois quem mata pai e mãe

Jamais poderá ver a face de Deus.

 

E o Santo, assim, ali ficou

Com o Jesus Menino como dantes

Implorando perdão aos céus

E a todos os viajantes.

 

Depois de muito arrependido,

Pela Igreja santificado

Como protector dos viajantes

Santo protector foi designado.

 

                  Nesta vila de Boticas,

                  Cumprindo a tradição,

          Em Agosto, está no rio o São Cristóvão

                  Com a água pela cintura

      Durante as festas de Nossa Senhora da Livração.

 

                    Augusto Almeida Gomes

                              NEWARK 


tags:

publicado por belezaserrana às 12:27
link do post | comentar | favorito
|

Sapiãos (Boticas)
subscrever feeds
pesquisar
 
Vida Rural em Sapiãos
Do namoro ao casamento

Aspectos da vida rural
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

SUBA AS MONTANHAS E VOLTE...

CHAVES RECEBEU EM FESTA A...

OUTONO CHEGOU FARTO, CHUV...

TERMAS DE CHAVES A GALIN...

MENSAGEM DOS QUE PEDEM PA...

O MEL TUTI_FLORES DÁ SAÚD...

HISTÓRIA DA ALDEIA ONDE ...

AS FLORES NÃO ENCOBRIRAM ...

HISTÓRIA DE CHAVES CONTAD...

ENTRE OS PORTUGUESES TRAI...

arquivos

Junho 2015

Março 2015

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

mais sobre mim
Sapiãos no mapa

Ver mapa maior
subscrever feeds
blogs SAPO