belezas paisagisticas e artisticas de Trás-os-Montes
Quinta-feira, 30 de Setembro de 2010
CHAVES É UM MUSEU VIVO CONSTRUÍDO PELOS ROMANOS

  CIDADE DE CHAVES - AS DUAS PONTES RECORDAM O PASSADO E O PRESENTE

 

 «Ó velha Ponte Romana

   Recordas aos que te olharam

   Tempos remotos, distantes

   Das gerações do passado.

 

            «...»

  « Ó CHAVES nobre cidade

   Pelo Tâmega beijada

   Deixas sempre uma saudade,

   Terra linda, terra amada.»            Assim se canta sobre a História da «AQUAE FLAVIAE»

 

                           A cidade de Chaves sempre honrou a sua brilhante história, conduzida por gente ilustre do passado e do presente. Diremos, até, que é um autêntico Museu deixado pelos Romanos, embelezado pelos abundantes jardins e canteiros floridos por toda a cidade. Sublinhamos o colorido das flores, com uma referência de muita simpatia à Engenheira Lisette Branco Teixeira, pela sua iniciativa de tempos idos,

  aos populares que sempre souberam respeitar e amar a beleza espalhada por toda a cidade, e aos Autarcas que mantiveram a iniciativa de uma Senhora, que bem merece uma homenagem pública. (Acrescento que não conheço,pessoalmente, a ilustre Senhora) - mas associo-me a todos os que respeitam o mérito. 

 

 

                                                   Artur Monteiro do Couto



publicado por belezaserrana às 13:08
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 24 de Setembro de 2010
AS ASSOCIAÇÕES REGIONAIS E OS PORTUGUESES NO MUNDO

 

  UTENSÍLIOS DOMÉSTICOS NO RESTAURANTE SALDANHA (pequeno museu)

 

 OS Portugueses obrigados a sair das suas Terras de Origem à procura de trabalho e pão em terra alheia por esse mundo fora, não esquecem as suas raízes e tentam apagar a dor da solidão e da saudade, organizando-se em Clubes, Casas Regionais ou mesmo de Portugal. E decoram-nas com objectos levados de Macedo de Cavaleiros (Bragança), do Minho até ao Algarve, passando pelas Ilhas da Madeira e dos Açores. E nelas, alimenta-se a cultura portuguesa, a alegria, os corpos e o orgulho de ser  «PORTUGUÊS».

 

  

    DIRECTORES DA CASA REGIONAL DE TRÁS-OS- MONTES em NEWARK e LISBOA.

 

 Augusto Gomes,(camisa azul), de NEWARK, é natural de Boticas e Presidente do Lusitania Savings Bank.

Nuno Aires, (camisa rosa)- é natural de Bragança e Procurador-Geral da República Adjunto. Repetiram em Peredo, Macedo de Cavaleiros, o primeiro encontro que tiveram no exercício de funções regionais em NEWARK-América.

     A CTMAD-Lisboa, celebra o seu 105º aniversário; fundada em 20 de Setembro de 1905.

 Aqui deixamos os nossos parabéns à actual Direcção, presidida pelo Professor Doutor Jorge Valadares.

 Recomendamos que se cultive o regionalismo e se ponha em prática a solidariedade transmontana, apoiando os concidadãos mais desprotegidos.

       Saudamos ainda todas as Casas Regionais Transmontanas, de Guimarães, Porto, Rio de Janeiro e tantas outras que nos prestigiam a todos; sem esquecer as do Minho, Beiras e outras regiões..

                  Artur Monteiro do Couto



publicado por belezaserrana às 11:00
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 20 de Setembro de 2010
OS BURROS NA CULTURA PORTUGUESA

              

      

                  OS BURROS NA CULTURA PORTUGUESA

 

Esta temática pode ser entendida em sentido literal e sentido figurado, fazendo uns trocadilhos entre a inteligência e acção de alguns humanos menos dotados e os autênticos burros de quatro patas.

 

              Comecemos por alguns provérbios:

 

« Vozes de burros não chegam ao céu».

« Um burro carregado de livros é um doutor»

« Quanto mais lhe puxas pelo rabo mais ele anda para a frente»

« Burro velho não aprende línguas…»

«A burro dado não se olha ao dente...»

«Quem acredita num burro, mais burro é…»

« Aquele está a andar de cavalo para burro…»

« Foste um grande burro, quando acreditaste naquele amigo…»

 

       Pelos serviços prestados ao Homem, ao longo dos tempos, e pelas funções que ainda desempenham na actualidade rural é que se criou em Terras de Miranda  a AEPCA- Associação para o Estudo e Protecção do Gado Asinino.

       Na minha aldeia, os burros de quatro patas estão a substituir os bois, no trabalho dos campos, associados aos seus familiares próximos, os cavalos.

       Mas são todos bem tratados e podem sentar-se lado a lado nos bancos do parque.

       Engraçado, que é bastante utilizada a linguagem gestual, como se vê pelas orelhas do animal. Este, de vez em quando, dá uma sessão de cantoria quando se aproximam as burras.

      Pelas lições culturais e por todos os serviços prestados à humanidade, estamos do lado dos que defendem a « Fé nos Burros em Alfândega da Fé» e da AEPCA.

      Quanto aos burros em sentido figurado, devem ser banidos das funções que prejudicam a sociedade dos homens bons e honestos.

                 Os provérbios dão-nos bons ensinamentos.

                                    Artur Monteiro do Couto



publicado por belezaserrana às 22:31
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 15 de Setembro de 2010
O PRIMEIRO E MAIS ANTIGO CENTRO CULTURAL DO NORTE DE PORTUGAL.

        

                                  PREPARANDO A BOLA DE CARNE

 

        

   A forneira vai mexendo a lenha a arder para aquecer o forno e colocar as brasas à entrada.

 

 

           O FORNO COMUNITÁRIO EM TERRAS DO BARROSO foi o ponto de partida, ao mesmo tempo que os longos serões de Inverno, para que a tradição oral transportasse muitos dos saberes das vivências reais, das fantasias e contos de buxas e bruxedos nas aldeias portuguesas.

           Ao calor destas brasas,o pão, os folares, as sardinhas, os pimentos, os cabritos e cordeiros e tantas outras iguarias eram e continuam a ser verdadeiros manjares dos deuses.

           E a tradição continua, mais no plano gastronómico na aldeia de Sapiãos, Boticas, Portugal pelo saber e sabor de pessoas como a D. Alice.

 

                              Artur Monteiro do Couto



publicado por belezaserrana às 12:54
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 10 de Setembro de 2010
DESILUSÕES DETURISTAS NA REGIÃO NORTE DE PORTUGAL

  GUERREIRO CALAICO A SERVIR DE PALHAÇO NO PARQUE DE LAZER

 

 ESTALAGEM DE CARVALHELHOS ENCERRADA E DESILUSÃO dos CLIENTES

 

    Há cerca de um ano abriu ao público com a chancela da Itineris.es e Itineris.pt o parque de lazer em Carvalhelhos com o patrocínio do Município de Boticas e apoios financeiros comunitários. Quando visitàmos em Agosto 2009, pela primeira vez,o Parque de Lazer, adiantámos a sentença aos funcionários:

    - Se não integrarem o Miradouro da Serra do Leiranco no projecto, a falência será certa e breve. Sem grande espanto, faliu antes de um ano de vida.

        E como uma desgraça nunca vem só, com surpresa, ali a dois passos, a Estalagem de Carvalhelhos fechou, para espanto e indignação dos clientes que não foram previamente avisados.

Entretanto as águas continuam a ser vendidas e os euros a saltarem para o Brasil, onde vivem os proprietários da empresa. E o Parque de Lazer continua a ser publicitado em grandes cartazes.

          Esperemos que os dinheiros públicos sejam melhor geridos e que se não induzam em erro os Turistas.

 

                                Artur Monteiro do Couto

 

    

      



publicado por belezaserrana às 11:57
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 6 de Setembro de 2010
O POVO CHORA POR CAUSA DOS INCÊNDIOS EM PORTUGAL

    Hotel de Vidago Quase a arder em Agosto 2010

 

      

       



publicado por belezaserrana às 20:14
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 2 de Setembro de 2010
PORTUGAL A ARDER E A MISÉRIA A CRESCER.

OS INCÊNDIOS E OS ILUSTRES SÓ DE NOME

 

Numa altura em que alguns concelhos de Portugal poderiam ser chamados de «terra queimada» ao vermos as imagens dantescas e brutais de pessoas a lamentar-se pelos prejuízos de que foram vítimas e  as chamas a destruírem o «slogan turístico -somos naturais por natureza»,esvaziando por completo a apregoada beleza das paisagens feita durante anos como centro de atracção dos possíveis visitantes à região.

E agora ? perguntamos nós.

Quem são os maiores culpados de tudo isto?

 

- Os alcoólicos? Talvez. Os malucos? Talvez. Alguns ricos desonestos para valorizarem os seus terrenos? Talvez. E os senhores da gravata  responsáveis pelas autarquias e pelo Governo global do país, eleitos pelo povo que, agora, chora pelo seu infortúnio? Certamente que sim. E muitos dos que, inconscientemente, contestam a construção das barragens em troca da defesa de uns mexilhões ou de outras espécies de validade discutível para o interesse da natureza? Também levantam dúvidas a tímidos e ignorantes. São horas de convidarem a Senhora Ministra do Ambiente    «... Pássaro» a vir a Boticas salvar os «mexilhões» porque as águas poluídas do rio Beça podem estragar-lhes o ambiente, envenenar-lhes a água e lá se vai embora uma das mais-valias de Portuga, segundo alguns, que agora ficaram de longe a ver tudo a arder sem irem ajudar os Bombeiros .

 

- Os Bombeiros se morrerem, ficarem aleijados para toda a vida e as populações ficarem na miséria..., tudo isso é secundário face à preciosidade dos 12 mexilhões... do rio de Boticas (Portugal dos pequeninos)...

Pobre Portugal que, por este caminho, vais ficar cada vez mais pobre e aos novos mendigos, mais não resta do que procurarem nova morada noutros países que um dia não corram com eles como está a acontecer com os ciganos romenos.

    

    Observem estas imagens e depois comentem-nas:

 

   

     

    

    Manifestamos a nossa solidariedade para com os que estão a sofrer.

                                           Artur Monteiro do Couto

 



publicado por belezaserrana às 11:19
link do post | comentar | favorito
|

Sapiãos (Boticas)
subscrever feeds
pesquisar
 
Vida Rural em Sapiãos
Do namoro ao casamento

Aspectos da vida rural
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

SUBA AS MONTANHAS E VOLTE...

CHAVES RECEBEU EM FESTA A...

OUTONO CHEGOU FARTO, CHUV...

TERMAS DE CHAVES A GALIN...

MENSAGEM DOS QUE PEDEM PA...

O MEL TUTI_FLORES DÁ SAÚD...

HISTÓRIA DA ALDEIA ONDE ...

AS FLORES NÃO ENCOBRIRAM ...

HISTÓRIA DE CHAVES CONTAD...

ENTRE OS PORTUGUESES TRAI...

arquivos

Junho 2015

Março 2015

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

mais sobre mim
Sapiãos no mapa

Ver mapa maior
subscrever feeds
blogs SAPO