belezas paisagisticas e artisticas de Trás-os-Montes
Terça-feira, 20 de Março de 2012
REVOLUÇÃO NO SECTOR TURÍSTICO

   

             PROMOÇÃO na (BTL) -Bolsa de Turismo 2012, em Lisboa

                                  

 

 

   

        REVOLUÇÃO NO SECTOR TURÍSTICO

           DO ALTO TÂMEGA EM PROJECTO

 

    PEDRAS SALGADAS, VIDAGO e CHAVES foram, até à data, a maior,

 se não a única, força dinamizadora do Turismo para todo o Alto Tâmega.

 

 Há condições naturais e condições exógenas que têm de aliar-se para que as alianças resultem.

 

    Tudo começou à volta das características das águas naturais que evoluíram para Termais e remédios para doenças específicas:

 - Pedras Salgadas: afecções dos aparelhos digestivo, respiratório e afecções associadas ao fígado e à vesícula biliar, entre outras indicações para a saúde e bem-estar.

 - Vidago - indicações terapêuticas: afecções do sistema osteo-articular, enxaquecas e patologias dermatológicas, afecções das vias respiratórias entre outras.

 - Termas de Chaves ( www.termasdechaves.com ). A água não é engarrafada nem vendida dentro e fora do país, como a das anteriores, mas tem umas características especiais para as afecções reumáticas e músculo-esqueléticas que atraem a presença de muitos milhares de pessoas para tratamentos nas suas óptimas instalações, implantadas junto a um belo parque, que tem vindo a crescer à sua volta.

     Os parques ajardinados de Vidago e Pedras Salgadas são uma referência a nível nacional. O Hotel  PALACE VIDAGO, classificado com cinco estrelas, comanda a indústria hoteleira, já existente no concelho de CHAVES: Hotel Casino, Hotel de São Francisco, Casas de Turismo Rural, etc. que rivalizam com as melhores do país. Há boas instalações para os mais ricos e menos ricos.

 

     Surgiu agora um grande projecto do Presidente da Câmara de Vila Pouca de Aguiar, Dr. Domingos Dias, a realizar entre 2012 e 2020, que vai introduzir uma mais-valia significativa para todo o Alto Tâmega. E pelo que li, o projecto está bem delineado e exequível porque parte de uma realidade conhecida dentro e fora de Portugal – as Pedras Salgadas – cuja água engarrafada, agora pertença da UNICER, continua a ser o melhor remédio para milhões de consumidores.

    Aliando os financiamentos da Unicer com os resultantes das indemnizações pagas pela IBERDROLA, empresa espanhola, como contributo indemnizatório pela construção das barragens

(infra-estruturas hidroeléctricas denominadas “ Cascatas do Tâmega “, e comparticipação de fundos comunitários, não há dúvida que os planos da autarquia vão ser viáveis.

 O Dr. Domingos Dias disse: «Procuraremos aproveitar tudo o que temos. Temos um património religioso material muito rico, temos umas minas romanas das maiores da Europa, temos o Parque Termal das Pedras Salgadas, temos belas paisagens, uma grande qualidade de seres humanos que habitam as nossas aldeias e que guardam no seu seio um grande património cultural imaterial, enfim, temos de criar apenas infra-estruturas dinamizadoras, dando corpo a mais rotas turísticas específicas, a juntar às que já possuímos.» «Esta aposta no turismo deverá trazer aqui mais de 300 mil visitantes por ano e um volume de negócios que deverá rondar os 30 milhões de euros; será a responsável por inverter os fenómenos da desertificação, do envelhecimento da população e do desemprego.»

      Como conheço a região envolvente de Vila Pouca de Aguiar, acrescento que o concelho de Ribeira de Pena, sobretudo a que irá fazer parte dessa “Cascata do Tâmega” porque abrange uma das zonas mais belas do país, poderá valorizar estes passeios. Toda aquela panorâmica é encantadora e o projecto de aposta em espaços verdes, como exemplificou o Eng.º Germinal Rodrigues, vice-presidente da Câmara, no encontro com o Agrupamento de Escolas na promoção da Semana da Floresta, está em consonância com a do seu vizinho, Presidente de Vila Pouca de Aguiar.

 

                                Artur Monteiro do Couto



publicado por belezaserrana às 17:22
link do post | comentar | favorito
|

Sapiãos (Boticas)
subscrever feeds
pesquisar
 
Vida Rural em Sapiãos
Do namoro ao casamento

Aspectos da vida rural
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

SUBA AS MONTANHAS E VOLTE...

CHAVES RECEBEU EM FESTA A...

OUTONO CHEGOU FARTO, CHUV...

TERMAS DE CHAVES A GALIN...

MENSAGEM DOS QUE PEDEM PA...

O MEL TUTI_FLORES DÁ SAÚD...

HISTÓRIA DA ALDEIA ONDE ...

AS FLORES NÃO ENCOBRIRAM ...

HISTÓRIA DE CHAVES CONTAD...

ENTRE OS PORTUGUESES TRAI...

arquivos

Junho 2015

Março 2015

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

mais sobre mim
Sapiãos no mapa

Ver mapa maior
subscrever feeds
blogs SAPO