belezas paisagisticas e artisticas de Trás-os-Montes
Quinta-feira, 18 de Dezembro de 2008
QUEM PODE SALVAR PORTUGAL? Continuação. (2)

                   Aconselhamos a leitura do texto publicado no dia 17, antes de ler este.  

                  

Quem pode melhorar a qualidade de vida dos portugueses são Homens com este perfil:

 
                               Belmiro de Azevedo só teve dois empregos. E no primeiro esteve pouco mais de um ano. Era partidário da meritocracia nas empresas e tinha aversão ao comando justificado por linha sucessória, onde pontificavam os ignorantes da quarta classe sobre os engenheiros e competentes.
                              Foi convidado para assistente na Universidade. Aceitou, mas por pouco tempo, embora fosse muito estimado pelo saber e método de ensino. A sua ambição era maior. Os seus objectivos estavam voltados para o mundo empresarial. Era ali que poderia melhorar a qualidade de vida da família.
                             A SONAE (Sociedade Nacional de Estratificados, SARL apareceu-lhe no caminho. Pertencia ao Grupo Pinto de Magalhães, cuja empresa principal era a Casa Bancária Pinto de Magalhães, com sede no Porto (com elevação, alguns anos mais tarde, a banco). Encontrou-a em péssimo estado. A Sonae tinha nascido de um equívoco, que vale a pena descrever, para reconhecermos melhor a evolução e o salto para uma das maiores Empresas de Portugal.
                             Pinto de Magalhães, preocupado com o insucesso, procurou competências técnicas que pudessem inverter a tendência de encaminhamento para a falência. Deram-lhe informações de « quem foi um aluno excepcional e estou convencido que deve ser um belíssimo profissional» Luís Mota Freitas – entrevista.
No final do ano de 1964, a 31 de Dezembro, Belmiro sai da Empresa Fabril do Norte e, em 2 de Janeiro de 1965 começa a trabalhar na SONAE.
                            Belmiro fora contratado com um vencimento de 7500$00 por mês.
É-lhe atribuída, formalmente, a função de encarregado de Pesquisa e Desenvolvimento da empresa, onde se encontrava a origem dos prejuízos. Belmiro detesta os desperdícios e   a sua acção revolucionária na fábrica, um jovem de 26 anos acabado de sair da Faculdade, não eram susceptíveis de lhe grangear a simpatia dos superiores hierárquicos, habituados somente a assinar papeis.
 Belmiro entra em conflitos. Começa com os chefes da burocracia administrativa de controlo de qualidade. Belmiro não entende nada da área administrativa. E a minúcia dos contabilistas irrita-o. Belmiro pretende resolver os problemas de produção com rapidez e os minuciosos dos números só causam atrasos. Pede a intervenção dos superiores responsáveis: «Belmiro telefonava-me e gritava: “Leve-me este gajo daqui!...” entrevista de António Correia da Silva, administrador .
                          A SONAE inicia a recuperação. Belmiro chega a passar 72 horas seguidas na fábrica. Trabalhava com muito entusiasmo. Até que pareceu que era o homem que podia salvar a Empresa. O administrador António Correia da Silva propô-lo a Pinto de Magalhães para Administrador-Delegado. Outros técnicos ameaçaram sair se Belmiro fosse nomeado. Pinto de Magalhães observou: ó diabo, que é que Você acha?...
 «Pior era se saísse o engenheiro Belmiro. « Então, traga cá o homem». Dias depois, houve o encontro; Belmiro foi nomeado Administrador e os outros foram-se embora.»
 
 «A partir de agora, é a SONAE que vai passar a financiar o banco» - comenta Belmiro de Azevedo. Estava começada a caminhada que viria, cerca de 25 anos mais tarde, a fazer do Grupo SONAE o maior produtor mundial de derivados de madeira.
 
         Belmiro de Azevedo tinha de resolver a única lacuna que sentia. Queria conhecer melhor os meandros administrativos. Propõe a Pinto de Magalhães que lhe permita ir fazer uma especialização na Universidade de Harvard. Foi e tornou-se Master in Business Administration.
   « Nunca gostei de navegar às cegas. Aprendi contabilidade através do livro “O Guarda-Livros sem Mestre. Mas era pouco. Harvard é a mais antiga e a mais célebre das universidades americanas. Foi fundada em 1636, e está localizada na cidade de Cambridge, estado de Massachusetts, nos Estados Unidos. Em 1908, é nela criada a escola de negócios do mundo, procurada por licenciados de toda a parte. O Curso foi pago pela Sonae, sob proposta do Administrador Correia da Silva, com a anuência de Pinto de Magalhães.
         Durante as 14 semanas que esteve na América, levantava-se às 6 horas da manhã para fazer desporto e tinha aulas das 8 da manhã até às 3 da tarde. O resto do tempo era para estudar a sério. « A minha ideia era a de que, no fundo, se aplicasse, em Portugal, a capacidade de diferenciação estratégica, pois, só assim, se poderia ter vantagens no mundo dos negócios.» entrevista Belmiro de Azevedo.
         Contaremos, no próximo capítulo, como se conseguiu emancipar         e partir na liderança total da SONAE, tornando-a naquilo que é hoje.
                                                     Artur Monteiro do Couto

 



publicado por belezaserrana às 18:54
link do post | favorito

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Sapiãos (Boticas)
subscrever feeds
pesquisar
 
Vida Rural em Sapiãos
Do namoro ao casamento

Aspectos da vida rural
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

SUBA AS MONTANHAS E VOLTE...

CHAVES RECEBEU EM FESTA A...

OUTONO CHEGOU FARTO, CHUV...

TERMAS DE CHAVES A GALIN...

MENSAGEM DOS QUE PEDEM PA...

O MEL TUTI_FLORES DÁ SAÚD...

HISTÓRIA DA ALDEIA ONDE ...

AS FLORES NÃO ENCOBRIRAM ...

HISTÓRIA DE CHAVES CONTAD...

ENTRE OS PORTUGUESES TRAI...

arquivos

Junho 2015

Março 2015

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

mais sobre mim
Sapiãos no mapa

Ver mapa maior
subscrever feeds
blogs SAPO