belezas paisagisticas e artisticas de Trás-os-Montes
Sábado, 17 de Outubro de 2009
A ARTE NASCEU COM ELES NO MEIO DAS MONTANHAS

                                                                                                                             

             CANASTRO OU ESPIGUEIRO do ARTESÃO MANUEL GONÇALVES "ROMÂO"

                

                                          

                                                ESTE BURRO NÃO É FILHO DE BURROS
 
         Há grandes artistas pelo mundo todo que nunca frequentaram as Escolas de Artes e por isso não são classificados de Mestres, Escultores, Arquitectos ou Doutores porque nasceram ricos em inteligência e criatividade mas pobres em dinheiro para desenvolver as suas capacidades nos grandes Centros do Saber. Esses sábios dos pobres têm a classificação de artesãos. E com os canivetes e pouco mais fazem verdadeiras obras de arte, como se tem visto nas Feiras Internacionais de Artesanato, em Lisboa, apoiadas pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional.
 Temos no nosso pensamento a célebre Rosa Ramalho, o seu Cristo em cerâmica, o Galo de Barcelos, etc., mas hoje não vamos alongar-nos mais. Quero apenas trazer a público dois artesãos da minha aldeia que trabalham por desporto. Não precisam do artesanato como aumento dos seus rendimentos. Trabalham por amor à Arte.
       São eles o Manuel Gonçalves “Romão”, autor do canastro, símbolo de milhares deles dispersos por todo o Norte de Portugal, destinados a secar as espigas do milho
                                    e
        João Teixeira, autor do burro, de dinossauros, de vacas, etc..
 - Se quiserem ver artesanato coberto de ouro, e outros adornos, então, terão de visitar o belíssimo altar, estilo Barroco, feito por artesãos dos primórdios do século XVIII, na capela da Senhora dos Anjos, datada de 1724, na referida aldeia de Sapiãos, concelho de Boticas.  
               Aqui fica a nossa homenagem aos numerosos artesãos portugueses que nunca viram os seus méritos reconhecidos.
                                        Artur Monteiro do Couto

 

 

 



publicado por belezaserrana às 15:57
link do post | comentar | favorito

Sapiãos (Boticas)
subscrever feeds
pesquisar
 
Vida Rural em Sapiãos
Do namoro ao casamento

Aspectos da vida rural
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

SUBA AS MONTANHAS E VOLTE...

CHAVES RECEBEU EM FESTA A...

OUTONO CHEGOU FARTO, CHUV...

TERMAS DE CHAVES A GALIN...

MENSAGEM DOS QUE PEDEM PA...

O MEL TUTI_FLORES DÁ SAÚD...

HISTÓRIA DA ALDEIA ONDE ...

AS FLORES NÃO ENCOBRIRAM ...

HISTÓRIA DE CHAVES CONTAD...

ENTRE OS PORTUGUESES TRAI...

arquivos

Junho 2015

Março 2015

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

mais sobre mim
Sapiãos no mapa

Ver mapa maior
subscrever feeds
blogs SAPO