belezas paisagisticas e artisticas de Trás-os-Montes
Quarta-feira, 10 de Fevereiro de 2010
Brasil-Portugal UNIDOS PELA HISTÓRIA DO CARNAVAL

       DESFILE CARNAVALESCO dos ZÉS PEREIRAS EM BOTICAS (PORTUGAL)

 

 BRASIL – PORTUGAL E A ORIGEM DAS MARCHAS DO CARNAVAL
 
 
                           (Leia documento a seguir)
   
 É natural que os mais jovens perguntem o que é isso de “Entrudo”? Resposta clara: era assim que os seus avós chamavam à época das folias, brincadeiras que se habituaram a fazer desde a Idade Média, antes de se iniciar uma época mais austera para os Cristãos, a Quaresma, com a Quarta-Feira de Cinzas, como preparação para a festa da Páscoa.
 E diziam, como hoje se diz: «Esta vida são dois dias e o Entrudo (Carnaval) são três). Aproveitemos para reinar, brincar.»
As suas vestimentas, para disfarce, não vinham da China, como actualmente; utilizavam as meias e outras vestimentas habituais; os homens disfarçavam-se de mulheres e as mulheres de homens. Chamavam-se caretos (regionalismo de origem transmontana) os que assim se vestiam e disfarçavam (porque escondiam a cara) para que ninguém os conhecesse e poderem dizer e fazer o lhes apetecesse sem terem vergonha. Ainda se fabricam, ainda hoje, máscaras no Nordeste Transmontano; sobretudo, aldeia de Varge, Ousilhão-Vinhais e Macedo de Cavaleiros.
   Há o museu das máscaras em Bragança e fazem parte do património do Museu de Etnografia em Lisboa. As máscaras ibéricas originaram vários estudos registados em livros e filmes. Tanto em Portugal como em Espanha.
 Em www.rtp.pt/camaraclara poderá ver um programa sobre as máscaras ibéricas, o seu significado e os diversos métodos de fabrico.
 Em tempos idos, nalgumas aldeias, como a minha (Sapiãos), em vez de fazerem as batalhas de flores, como se fazem hoje nas cidades, brincavam com a farinha moída nos moinhos, atirando-a os jovens, de sexos diferentes, uns aos outros, ficando todos mascarados, mas acabando, quase sempre, em atitudes amorosas, em vez de uma ou outra cena de pancadaria à mistura. As crianças divertiam-se, fugindo deles, com medo que lhes fizessem mal.
Como curiosidade, deixo duas notas:
1-« O Carnaval do Brasil teve origem em Portugal?. Em 1723 era o “Entrudo”. Até o imperador D. Pedro II (1831-1889) “entrudava”-diz o historiador Hiram Araújo. O primeiro baile de Carnaval foi em 1835 e as marchas começaram com um português, Zé Pereira, que saía, à rua, a bater no bombo.»  
( Adriana Barsotti- O Globo -Domingo (Correio da Manhã) de 5 de Março 2006).
2 - Em 1842, houve um Ministério do Entrudo, denominação popular, por ter tomado posse a 7 de Fevereiro de 1842, um Domingo Gordo, sob a presidência do Duque de Palmela. (Dicionário da História de Portugal de Joel Serrão).
                                        Artur Monteiro do Couto
                                             arturcouto@clix.pt
 


publicado por belezaserrana às 14:49
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De lena a 15 de Fevereiro de 2010 às 16:09
Olá amigo Artur!
O seu texto na Aldeia tem sido muito bem recebido. Também gostei muito. Ora dê lá um salto.

Jocas gordas
Lena


Comentar post

subscrever feeds
pesquisar
 
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

SUBA AS MONTANHAS E VOLTE...

CHAVES RECEBEU EM FESTA A...

OUTONO CHEGOU FARTO, CHUV...

TERMAS DE CHAVES A GALIN...

MENSAGEM DOS QUE PEDEM PA...

O MEL TUTI_FLORES DÁ SAÚD...

HISTÓRIA DA ALDEIA ONDE ...

AS FLORES NÃO ENCOBRIRAM ...

HISTÓRIA DE CHAVES CONTAD...

ENTRE OS PORTUGUESES TRAI...

arquivos

Junho 2015

Março 2015

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

mais sobre mim
subscrever feeds
blogs SAPO